Deep below,
Each word gets lost in the echo
Sexta-feira, 8 de Agosto de 2014

Sneek Peek | 2

"Camilla acenou com a mão e correu para a porta. Fechou-a estridentemente e suspirou. A noite terminara para si, finalmente. Alheia ao exterior, começou a descer as escadas num passo apressado, quando a fizeram parar novamente.

- O que querias dizer com aquilo? – Perguntaram.

Ele outra vez. Estava a ficar, definitivamente, assustada com as intenções do alemão. Virou-se, com um trejeito sarcástico e sorriu aborrecidamente. O rapaz estava encostado na parede junto à porta, com o cigarro aceso numa das mãos. Com um esgar minucioso encontrou-se rapidamente a desaprová-lo. Ele ignorou.

- Quis dizer aquilo que tu ouviste. – Começou por dizer.

- Não percebo.

Camilla deitou uma mão à testa e bufou. Das duas uma, ou era parvo ou de compreensão lenta. Não arriscaria definir qual deles lhe assentava melhor.

- Que eu não sou magra, atrevida e oferecida. Decididamente, não me enquadro no perfil das one night stand que usualmente recrutas para ti. – Respondeu num tom hostil que ela não reconhecia em si. – Definitivamente, não me presto a esse tipo de situações. E tu não fazes o meu género.

A resposta fora curta e dura; mas sincera. O rapaz olhava-a agora com um misto de confusão e empolgação, como se o que ouvira tivesse suscitado algo inexplicável nele. Ignorando-o, Camilla seguiu caminho arrastando-se dentro do vestido com alguma dificuldade.

- Espera.

O alemão correu para a alcançar, agarrou-a por um braço e puxou-a violentamente, fazendo-a rodopiar de encontro ao seu corpo franzino ainda de menino.

- O que pensas que estás a fazer? – Perguntou de olhos esbugalhados.

Sem perceber o motivo, começou a sentir o estômago revirar nervoso, as pernas a tremelicarem e o peito a inchar de ansiedade. A sensação de desmaio era quase evidente. Ele era arrogante, impertinente e podia ter todos os defeitos do mundo; mas havia algo nele que a fazia desejá-lo em segredo. Arrepiou-se ao sentir a mão dele resvalar pelo seu rosto como se pretendesse decorá-la para mais tarde recordar; mas parte de si permanecia sóbria à sua investida como outrora.

- A tentar provar-te que posso conseguir qualquer coisa."

 

Ideias, ideias, ideais... A reviravolta que esta história já levou desde 2009. Eu penso que sempre que mexo nela é para melhor.

publicado por a.nee às 22:30
link do post | comentar | favorito
4 comentários:
De summer wright a 9 de Agosto de 2014 às 13:49
gostei muito. já só me repito, mas é verdade.


De a.nee a 9 de Agosto de 2014 às 14:13
Isso é irrelevante, repete à vontade. ;) É só um sneek peek; mas ainda bem que gostaste.


De • Smartie a 9 de Agosto de 2014 às 20:29
Uhh, gostei imenso deste excerto 8D


De Vitor a 10 de Agosto de 2014 às 02:51
Oh rapariga tu ou posta-me isto ou publica que eu pago! I WANT MORE u-u


Comentar post

The Only Exception


Nathan Vanderbilt tinha uma vida normal - até ao dia em que conheceu o seu pior pesadelo: Louise McKenzie. Sério, frio, calculista, prepotente e irrepreensivelmente inteligente e popular no colégio; enquanto Louise não passa de uma rapariga normal com notas medíocres; sonhadora, sensível, intensa e verdadeira espera reunir as condições necessárias para se aproximar do coração enregelado do filho mais velho dos Vanderbilt a quem nunca nenhuma namorada se lhe conheceu. Numa luta interior constante, Nathan irá perceber que não tem como fugir á realidade, à novidade e aquilo que sente pela filha do melhor amigo do pai.

SOBRE A HISTÓRIA.


Profile

Ana. 29 anos. Licenciada em Engenharia Informática. Seguros. Música. Ler. Escrever. 30 Seconds To Mars. Aaron Yan. Muse. Linkin Park. Green Day. Three Days Grace. Snow Patrol. Kings Of Leon. Paramore. Game Of Thrones. Switched At Birth. Suits. Once Upon a Time. Teen Wolf. Heart Of Dixie. Covert Affairs. Arrow. The Flash. Bones. Hawaii Five-O. Nashville. The Fosters. KDrama.


Linkage

The Only Exception Palavras Soltas Filmes Séries KDrama


Credits

Layout Lettha
Icon TFN
Colors Colorpicker
ADAPTAÇÃO POR: anaap.



SEGUIR PERFIL